A confiança no Clube de Regatas do Flamengo em forma de Blog !!! www.ConfionoMengao.blogspot.com

quinta-feira, 16 de agosto de 2007

Flamengo leva a melhor contra o Flu na raça


Mesmo com dois a menos a partir dos 30 minutos do segundo tempo, o Flamengo venceu o Fluminense de forma heróica por 1 a 0, nesta quinta-feira, no Maracanã. O gol foi marcado pelo argentino Maxi Biancucchi, destaque na primeira etapa. No duelo das pranchetas dos técnicos, melhor para Joel Santana, que derrotou o rival Renato Gaúcho após as provocações das duas partes nos dias que antecederam o clássico.

O resultado levou o Flamengo a 18 pontos, agora na 18ª colocação, mas com dois jogos a menos do que os demais. Já o Fluminense encerra o primeiro turno com 26, na 11ª posição.

Na guerra das provocações, protagonizada pelos técnicos Renato Gaúcho e Joel Santana, no primeiro tempo, quem mostrou ter a razão foi o do Rubro-Negro. Joel, que dissera, que o rival ainda tinha que engraxar muito sua prancheta, organizou melhor seu time, ao passo que Renato inventou David na lateral direita, sacando Roger da equipe titular

Se um estava sem o Roger, o outro, o Flamnego, tinha um xará disposto a brilhar contra seu clube. O camisa 8 rubro-negro, em seu primeiro clássico contra o clube que o revelou, mostrou uma disposição surpreendente e a qualidade habitual, com passes de classe.

Apesar de pior na primeira etapa, quem teve a grande chance para abrir o placar foi o Fluminense. Após cobrança de falta de Thiago Neves, a bola sobrou para Romeu, livre, dentro da grande área, mas a finalização foi nas nuvens, aos 19. A rigor, o Tricolor só teve essa oportunidade e quase conseguiu outra, após saída errada de Ibson, que se recuperou e evitou o gol.

O Flamengo, por sua vez, levava perigo pelo lado esquerdo com as investidade Juan e de Maxi Biancucchi. Numa, o primo de Messi entortou Luiz Alberto, porém finalizou sem força, facilitando para Ricardo Berna. Noutra, fez tudo como manda o figurino. Juan roubou a bola de Arouca, puxou o contra-ataque e pôs Maxi na cara do gol. Com tranqüilidade, ele chutou por cima do goleiro e fez o primeiro, aos 42.

Para o segundo tempo, os times voltaram com os mesmos jogadores. O Fluminense, com uma postura diferente, mais agressivo. Tanto que quase empatou em duas jogadas de Somália. Na primeira, ele bateu de forma colocada, visando ao ângulo, mas a bola passou raspando. Na outra, chutou em cima de Bruno e, no rebote, mandou na lateral.

Começou, então, uma pressão tricolor, principalmente por intermédio de Thiago Neves. Todo recuado, o Flamengo pouco conseguia os contra-ataques e veria sua situação piorar, aos 14, quando Juan cometeu falta em Thiago Silva e recebeu o segundo cartão amarelo.

Joel mudou o time, recompondo a lateral, com Egídio, e promovendo a volta de Obina. Saíram os dois atacantes, Paulo Sérgio e Maxi Biancucchi. No Flu, Renato sem opções ofensivas no banco, teve de colocar Cícero e o jovem Léo. Com um a mais, naturalmente, o Tricolor seguiu pressionando, exigindo boas defesas de Bruno.

Se com 10, o Rubro-Negro já tinha dificuldades, Roger conseguiu piorar tudo. Ele recebeu falta de Arouca, que o agarrou por trás, reclamou e levou amarelo. Em seguida, cometeu uma infração mais forte e foi expulso. Em seguida saiu protestando, sem muita razão.

A tônica do jogo seguiu com o Fluminense tentando, sem criatividade alguma, o Flamengo defendendo-se com seus nove atletas, com muita valentia e empurrado pela torcida, que não desanimou em momento algum. Foi a receita para conquistar a quarta vitória no campeonato, fundamental na recuperação da equipe.

O Fluminense agora enfrenta o Cruzeiro no próximo domingo, no Mineirão. Já o Flamengo segue tentando sair da zona de rebaixamento contra o Palmeiras, no mesmo dia, no Palestra Itália, em São Paulo.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 0 X 1 FLAMENGO

Local: Maracanã, Rio de Janeiro
Data - hora: 16/08/07 - 20h30min
Renda - Público: R$ 759.126,00 - 49.828 pagantes
Árbitro: Evandro Rogério Roman (PR)
Auxiliares: Rogério Carlos Rolim e Aparecido Donizetti Santana (PR)
Cartões Amarelos: Arouca e Luiz Alberto (FLU); Juan, Léo Moura, Maxi Biancucchi, Obina e Roger (FLA).
Cartões Vermelhos: Juan, 14'/2ºT (FLA); Roger, 30'/2ºT (FLA).

GOLS: Maxi Biancucchi, 42'/1ºT (0-1);

FLUMINENSE: Ricardo Berna, David, Thiago Silva, Luiz Alberto e Roger; Romeu (Cícero, 15'/2ºT), Arouca, Maurício (Léo, 25'/2ºT) e Thiago Neves; Soares e Somália. Técnico: Renato Gaúcho.

FLAMENGO: Bruno, Léo Moura, Fábio Luciano, Ronaldo Angelim e Juan; Rômulo, Cristian, Ibson (Jailton, 48'/2ºT) e Roger; Maxi Biancucchi (Obina, 19'/2ºT) e Paulo Sérgio (Egídio, 17'/2ºT). Técnico: Joel Santana.

Fonte: LanceNet
www.ConfionoMengao.blogspot.com - A confiança no Flamengo