A confiança no Clube de Regatas do Flamengo em forma de Blog !!! www.ConfionoMengao.blogspot.com

sábado, 12 de janeiro de 2008

Flamengo perde jogo-treino para o Tupi


O Flamengo perdeu neste sábado o seu segundo jogo-treino da temporada na Granja Comary, em Teresópolis (RJ). Mas, desta vez, foram os reservas que entraram em campo contra o Tupi, de Juiz de Fora (MG). Num jogo muito pegado - às vezes violento -, o time mineiro venceu por 2 a 1. O técnico rubro-negro Joel Santana chegou a intervir durante a partida, perdendo a paciência com a dureza dos adversários.

O gol do Flamengo foi marcado pelo volante Kleberson, que já soma três - dois foram sobre a seleção da Nicarágua, na última quinta-feira. Ademílson, ex-Botafogo, e Henrique fizeram os gols da vitória. Às 9h deste domingo os titulares entram em campo. O adversário é o Huracán, do Uruguai.

O jogo mal havia começado e o zagueiro Rodrigo Arroz faz um pênalti desnecessário. Ademílson cobrou com categoria e deslocou Bruno, único titular em campo: 1 a 0.

Contando com os reforços Kleberson, Rodrigo, Jônatas, Gavilán e Marcinho, o Flamengo concentrava as jogadas na esquerda, com o lateral Egídio. Mas nada conseguia. Além disso, tinha que escapar das botinadas do time mineiro.

Numa no atacante Maxi Biancucchi, Joel levantou do banco, apontou para o zagueiro Silvio e gritou:

- Ei! Você não vai colocar o dedo na cara do meu jogador, não, seu m... - disparou Joel. O campo ficou em silêncio durante alguns segundos.

A ameaça não intimidou os mineiros. Mas uma falta na entrada da área resultou no empate do Flamengo. Marcinho cobrou falta na área aos 33 minutos, houve um bate-rebate e Kleberson fez com facilidade.

De diferente no segundo tempo, Diego no lugar de Bruno no gol. De igual, a pancadaria do Tupi. Tanto que Joel voltou a intervir, depois que o atacante Éder sofreu entrada dura:

- Vocês só estão dando porrada. Querem ganhar treino. Vou mandar esfregar também - metralhou. Na jogada seguinte, o apoiador Marcinho deu um golpe de judô num adversário.

Sem escapar das bordoadas e sem conseguir criar boas jogadas, o Flamengo acabou tomando o golpe final - e por outra falha da zaga. Aos 43, a bola sobrou atrás para Rodrigo, que ameaçou dar um chutão e tentou sair jogando. O atacante Henrique roubou a bola e tocou no canto de Diego: 2 a 1.

Ainda deu tempo de um zagueiro do Tupi ser expulso por quase quebrar Marcinho ao meio. Acabou sendo substituído por ordem do árbitro, mas saiu vencedor da Batalha da Granja.

FLAMENGO: Bruno (Diego), Luizinho, Rodrigo Arroz (Thiago Sales), Rodrigo e Egídio; Gavilán, Jônatas (Colace), Kleberson e Marcinho; Eder (Léo Medeiros) e Maxi Biancucchi.

Fonte: LanceNet

www.ConfionoMengao.blogspot.com - A confiança no Flamengo