A confiança no Clube de Regatas do Flamengo em forma de Blog !!! www.ConfionoMengao.blogspot.com

quinta-feira, 23 de outubro de 2008

Flamengo goleia o Coritiba e volta ao G-4


Desta vez, boa atuação, goleada e vitória. Após duas apresentações ruins, o Flamengo conseguiu jogar um bom futebol e garantiu a volta temporária ao G4: 5 a 0 sobre o Coritiba, gols de Léo Moura, Obina, Ibson, Maxi e Bruno. Com o resultado, o Rubro-Negro chegou à quarta colocação com 55 pontos (passa o Palmeiras, que tem um jogo a menos, no saldo 18 a 14). Já o Coxa viu o sonho da Libertadores ficar quase impossível ao estacionar nos 46 ponos.

O início do jogo deu a entender que a escolha de Caio Júnior por Aírton na defesa e Luizinho na lateral esquerda não iria dar certo. O Flamengo estava lento, sem saída para o ataque e a defesa desentrosada. O Coritiba aproveitou e assustou primeiro em dois chutes seguidos na pequena área, com Keirrison e Carlinhos Paraíba. Mas Bruno salvou.

A partir deste lance aos nove minutos, o Flamengo acordou. Improvisado na lateral esquerda, Luizinho não foi tão atuante como o titular Juan, mas deu belo cruzamento para Obina cabecear na trave. O Rubro-Negro passou a ter mais posse de bola, mas o gol saiu em uma jogada individual de Obina, que sofreu pênalti de João Henrique aos 20 minutos.

O batedor oficial, Marcelinho Paraíba, deixou para o aniversariante Léo Moura cobrar e por pouco ele perdeu. Vanderlei defendeu o chute e somente no rebote o lateral pôde bater palmas. O gol desestabilizou o Coritiba, que não assustou mais Bruno. O Flamengo investiu no contra-ataque e se deu bem. Aos 35 minutos, Kleberson arrancou pela direita e rolou na medida para Obina chutar e ampliar.

Na volta para o segundo tempo, o Coritiba fez duas alterações e tentou recuperar-se no jogo partindo para cima. O Flamengo fechou-se e continuou investindo nos contra-ataques. A tática mostrou-se perigosa e chamou o Coxa para a defesa, que começou a dar trabalho a Bruno, mas no final deu certo.

Enquanto o Flamengo desperdiçou inúmeros contra-ataques, o Coritiba foi chegando. Carlinhos Paraíba, de longe, chutou e Bruno defendeu em dois tempos. Depois foi a vez de Marlos, que entrou bem, tabelar com Keirrison e obrigar Bruno a outra defesa. Keirrison também chegou perto ao chutar cruzado para fora.

Mas finalmente o Flamengo acertou um contra-ataque aos 32 minutos. Em boa triangulação entre Maxi, Fierro e Ibson, o volante invadiu a área e chutou na saída de Vanderlei. A torcida rubro-negra ainda comemorava quando Maxi fez mais um aos 35. Obina fez grande jogada pela esquerda, passou por dois e cruzou para o argentino marcar o quarto. Bruno, de pênalti, fechou a goleada.

Agora, o Flamengo terá que torcer contra o Palmeiras neste sábado. Caso os paulistas percam para o Fluminense no Maracanã, o Rubro-Negro terminará a rodada na zona de classificação para a Libertadores. Ao Coritiba, resta juntar os cacos para a próxima partida contra o Atlético-MG.

FLAMENGO 5 X 0 CORITIBA

Estádio: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 23/10/2008 - 20h30min (de Brasília)
Árbitro: Carlos Eugênio Simon (Fifa-RS)
Auxiliares: Altemir Hausmann (Fifa-RS) e José Javel Silveira (RS)

Renda/público: R$ 511.963,00 / 28.648 pagantes
Cartões amarelos: João Henrique e Rodrigo Mancha (CTB)
Cartões vermelhos: Não houve
GOLS: Léo Moura, 20'/1ºT (1-0); Obina, 35'/1ºT (2-0); Ibson, 32'/2ºT (3-0); Maxi, 34'/2ºT (4-0); Bruno, 47'/2ºT (5-0)

FLAMENGO: Bruno, Jaílton, Aírton, Ronaldo Angelim; Léo Moura, Toró , Ibson, Kleberson (Fierro, 28'2ºT) e Luizinho (Fernando, 15'2ºT); Marcelinho Paraíba (Maxi, 22'2ºT) e Obina. Técnico: Caio Júnior.

CORITIBA: Vanderlei, Maurício, Rodrigo Mancha e Felipe; Marcos Tamandaré (Marlos, intervalo), Alê, Leandro Donizete (Tiago Silvy, intervalo), Carlinhos Paraíba (Jaílson, 18'2ºT), e Ricardinho; João Henrique e Keirrison. Técnico Dorival Júnior.

Fonte: LanceNet

www.ConfionoMengao.blogspot.com - A confiança no Flamengo