A confiança no Clube de Regatas do Flamengo em forma de Blog !!! www.ConfionoMengao.blogspot.com

sábado, 19 de abril de 2008

Fla, romântico, vence Taça Rio sub-20


Um artilheiro apaixonado garantiu ao Flamengo a manutenção do sonho do inédito tetracampeonato Carioca de juniores. Na tarde deste sábado, Paulo Sergio fez o gol único da vitória por 1 a 0 do Rubro-Negro sobre o Macaé, pela final da Taça Rio. O jogo aconteceu em Édson Passos, em Mesquita.

Campeão do segundo turno, o Fla enfrenta o Fluminense na decisão. A tendência é que os dois jogos ocorram como preliminar das finais do Estadual profissional.

Sem empolgar, o time rubro-negro contou com um chute certeiro de Paulo Sergio, no primeiro tempo para garantir o troféu. O jogador imitou Alexandre Pato na comemoração e fez um coração com as mãos para homenagear a namorada Blanca. Foi o 17º gol dele em 15 jogos no torneio.

- Estou apaixonado. Avisei que se fizesse o gol faria o coração para deixá-la feliz - diz o artilheiro romântico.


Fla administra

Logo com dez segundos, Pedro Beda recebeu na área, o goleiro Rerysson defendeu parcialmente e na sobra o zagueiro bloqueou o chute de Renan. A pressão do Flamengo continuou intensa. Aos seis minutos, Aírton passou e Erick errou o alvo por pouco.

O melhor futebol apresentado transformou-se em gol aos 14 minutos. Davidson foi à linha de fundo e cruzou rasteiro. Paulo Sergio, artilheiro do Estadual, dominou e chutou no canto direito para abrir o placar.

Depois do gol, os rubro-negros diminuíram o ritmo. O Macaé incomodava pela esquerda com os avanços de Giovani. Mas a rigor, o time do interior não criou qualquer chance na primeira etapa.

Destempero do artilheiro

No início do segundo tempo, o Flamengo voltou a apertar. Aos oito minutos, Pedro Beda recebeu na área e acertou a trave esquerda. Melhor jogador em campo, Aírton assistiu a um adversário pedalar, apenas travou a bola e puxou o contra-ataque. Na frente do goleiro do Macaé, o volante chutou para fora.

Aos 28 minutos, Carlinhos teve a chance de decidir para o Rubro-Negro, mas acertou a trave. Na sobra, Davidson chutou e o goleiro do Macaé fez linda defesa.

O Macaé partiu para o ataque nos minutos finais e quase marcou aos 36 minutos. Anderson chutou forte e Marcelo espalmou. Aos 45 minutos, Carlinhos recebeu livre e, em vez de tocar para Paulo Sergio, preferiu chutar nas mãos de Rerysson. Foi o suficiente para o artilheiro do Estadual se irritar, reclamar e empurrar o companheiro, que sequer olhou para trás.

- Só quem está lá dentro sabe como é. Aquele gol perdido poderia complicar nossa vida. Mas passou, ficou dentro de campo - diz o artilheiro, fugindo do rótulo "entre tapas e beijos".

Escalações

Flamengo
Marcelo, Davidson, Anderson Bamba, Wellinton e Leo; Aírton, Antônio, Erick e Renan (Péca); Paulo Sergio e Pedro Beda (Carlinhos). Técnico: Adílio.

Macaé
Rerysson; Dos Santos, Lucas, Alerrandro e Leanderson; Giovani, Alexandre, Lee (Miranda) e Norton; Anderson e Jhon. Técnico: José Carlos Macedo.

Cartões amarelos: Dos Santos (M), Alerrandro (M), Wellinton (F), Leanderson (M), Aírton (F), Péca (F) e Paulo Sergio (F)

Fonte: Globo Esporte
www.ConfionoMengao.blogspot.com - A confiança no Flamengo