A confiança no Clube de Regatas do Flamengo em forma de Blog !!! www.ConfionoMengao.blogspot.com

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima porque ainda não acabou!

Pois é irmãos rubro-negros. Um tropeço a essa altura do campeonato dói. E agora, o que dizer? Simplesmente é melhor não dizer nada. Agora é melhor não cornetar, nem arrumar desculpas, nem culpar a bola e muito menos a mala branca. Já vi gente culpando até o mosaico. Pasmem! Mas têm flamenguista infeliz falando algumas asneiras que nem Freud explica. Mas fazer o que? São reflexos de um vacilo que poderá se tornar fatal para o objetivo de conquistar o título.
Jogamos mal e acabou. Temos que assumir e levantar a cabeça. Acontece nos melhores times. Sim! Somos sim o melhor time do campeonato hoje. Se a campanha feita até a formação desse atual time foi meia boca isso aí são outros quinhentos. Chamem o Cuca, o Obina e o Kleber Leite para se explicarem. Mas havemos de convir que se Pet, Álvaro, Maldonado estivessem no grupo desde o início, aliados ao bom futebol que Zé Roberto, Everton e Bruno passaram a apresentar, agora certamente já poderíamos estar comemorando o hexacampeonato sem mais esquentações de cabeça.

Ainda dá. Quem diz isso é a matemática e esse campeonato maluco que estamos vendo. Porém há oportunidades na nossa vida que só batem na porta uma vez e se não soubermos aproveitá-las, elas não voltam mais. A 36ª rodada pode ter sido a grande oportunidade do Flamengo realizar o seu sonho. Por outro lado, o mesmo vale para o São Paulo que teria colocado a faixa de campeão ontem mesmo se tivesse vencido o Botafogo. Não venceu. O que acabou não definindo nada ainda.
O que para o Flamengo poderia ter sido usado como um trunfo que é o fato de ter jogado depois do concorrente, acabou virando um tormento. Ficou nítido no final do jogo o desequilíbrio emocional dos nossos jogadores por causa da pressão de ter que vencer após a derrota tricolor. O time começou a atacar de qualquer maneira, errar passe atrás de passe e quase perdeu o jogo. Não é desculpa para justificar o resultado negativo, pois para um time que até então se mostrava muito maduro e seguro do que queria dentro de campo e dentro da competição, não se explica um mole desses. É apenas um fato que precisa ser relevado. No final das contas, o resultado tanto do Engenhão quanto do Maracanã acabou sendo bem mais animador para o São Paulo e toda a arcoirizada que vem logo atrás da gente. Não pelo ponto de diferença que mantiveram à nossa frente, mas sim pelo fator emocional. Enquanto a frustração e abatimento tomou conta do Maracanã no final do jogo, o alívio e a esperança reascendiam para os tricolores, palmeirenses e até os colorados que voltaram a crer na conquista do título novamente, o que pode fazer diferença no espírito dos clubes na penúltima semana de trabalho.

Para nós resta torcer mais do que nunca para Pet e Adriano nessas duas últimas rodadas não estarem nos seus ‘maus dias’ e voltarem a ser decisivos diante de Corinthians e Grêmio já que a dependência desses dois jogadores está mais que provada. Contra o Goiás fez uma enorme falta um jogador que botasse fogo no jogo. E sem trocadilhos e ironias, até mesmo um Jobson da vida cairia como uma luva naquele tenso segundo tempo. Poderiam ter oferecido uma malinha para ele formar o modesto banco de reservas do Flamengo. O Andrade até que tentou, procurou e ousou nas substituições que fez, porém pouco deu resultado. Moral da história: enquanto Pet e Adriano estavam resolvendo e não se necessitava dos suplentes para agirem de maneira contundente no decorrer dos jogos, passava batida a questão de não termos um bom banco de reservas para esse finzinho de Brasileirão. Os dois jogos que tropeçamos nessa arrancada, contra Barueri e Goiás, acabaram evidenciando esse fato.

Parabéns à torcida que acabou de uma vez por todas com essa palhaçadinha de competição dos flores em querer concorrer com a gente quem faz o maior e melhor mosaico. Agora nem com a ajuda de chineses conseguirão alcançar a beleza e perfeição da mais bela obra de arte que o Maracanã já presenciou. Pena que faltou o resultado em campo para coroar o esforço e dedicação de dezenas de rubro negros que se esforçaram muito para proporcionar tal espetáculo. Mas ainda prefiro ficar com as palavras do Bruno ao final do jogo: “Algo muito especial está guardado para o Flamengo nessas últimas duas rodadas que faltam”. Por isso: levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima Mengão!
www.ConfionoMengao.blogspot.com - A confiança no Flamengo