A confiança no Clube de Regatas do Flamengo em forma de Blog !!! www.ConfionoMengao.blogspot.com

terça-feira, 22 de abril de 2008

Flamengo vence e segue vivo na Liga


Em dia inspirado do armador Marcelinho Machado, o Flamengo forçou a partida quatro da final da Liga Sul-Americana. Nesta terça-feira, em um ginásio do Maracanãzinho (RJ) não tão lotado, porém muito barulhento, a equipe da casa venceu o Regatas Corrientes por 98 a 79 e deixou a série em 2 a 1. O próximo confronto entre os times será nesta quarta, às 17h, novamente no Maracanãzinho.

O Flamengo precisa da vitória para empatar a série e decidir o título da competição em Corrientes, na Argentina. As duas vitórias dos argentinos foram em casa. No jogo de estréia, o Flamengo foi derrotado, armou uma confusão em quadra e viu seu jogador mais experiente ser expulso. No duelo seguinte, o time deu sinais de que faria 1 a 1 na série, mas cedeu a vitória ao adversário.

- O time entrou mordido, pois sabia que era um jogo de vida ou morte. E o resultado não podia ser diferente, foi o nosso melhor jogo - diz o cestinha da partida, Marcelinho Machado, que fez 44 pontos e seis assistências.

Fla arrebatador no primeiro quarto

O Flamengo começou melhor na partida. Marcelinho Machado, que não participou do segundo jogo da série após ser expulso na estréia, fez os sete primeiros pontos da equipe da casa. Sentindo o bom momento do adversário, o Regatas Corrientes pediu tempo quando o placar ainda marcava 19 a 9, faltando um pouco mais de seis minutos para o fim do primeiro quarto. No retorno à quadra, o Rubro-Negro continuou com um bom desempenho, principalmente dos arremessos de fora do garrafão. Com três cestas de três pontos, os cariocaas abriram 28 a 11.

GLOBOESPORTE.COM
O time já vinha jogando bem mesmo nas derrotas. Hoje apresentando uma defesa compacta e um ataque coletivo. A equipe é nova, mas está crescendo rápido
Paulo Chupeta, técnico do Flamengo
GLOBOESPORTE.COM

Marcelinho continou sendo o termômetro do Flamengo. Nos poucos minutos em que se desconcentrou em quadra, o Regatas Corrientes diminuiu a vantagem para exatos dez pontos, colocando 28 a 18 no marcador. Nos últimos segundo do primeiro quarto, o armador se reencontrou e convertou mais uma cesta de três pontos. Em seguida, conseguiu uma roubada de bola e encerrou a etapa em 33 a 18.

Marcelinho pontua mais que o conjunto rival

No segundo quarto, o Flamengo continuou melhor em quadra. Assim como no período anterior, Marcelinho começou acertando dois arremessos de três pontos. Faltando seis minutos para o término, o placar apontava 39 a 23 para a equipe da casa. Ao mesmo tempo, o armador somava 24 pontos na partida, um a mais que todo o time argentino. Os minutos finais foram muito amarrados, com muitas faltas entre as equipes. Mas a vantagem seguia a favor do Flamengo. Só de arremessos livres, Marcelinho converteu 7 pontos, fechando o segundo quarto em 58 a 37.

GLOBOESPORTE.COM
O time entrou mordido, pois sabia que era um jogo de vida ou morte. E o resultado não podia ser diferente, foi o nosso melhor jogo
Marcelinho Machado, armador do Flamengo
GLOBOESPORTE.COM

No terceiro, a experiência do Rubro-Negro, orientando pelo técnico Paulo Chupeta, foi fundamental em quadra. A equipe carioca soube administrar a vantagem, segurando a posse de bola. Assim, o quarto terminou em 66 a 58. No último período, o Flamengo seguiu embalado pelos gritos da torcida, abriu a margem de pontos e venceu a partida em 98 a 79, forçando o quarto jogo da série final da Liga Sul-Americana.

- O time já vinha jogando bem mesmo nas derrotas. Hoje apresentando uma defesa compacta e um ataque coletivo. A equipe é nova, mas está crescendo rápido - afirma o técnico do Fla, Paulo Chupeta.

Fonte: Globo Esporte

www.ConfionoMengao.blogspot.com - A confiança no Flamengo