A confiança no Clube de Regatas do Flamengo em forma de Blog !!! www.ConfionoMengao.blogspot.com

terça-feira, 27 de maio de 2008

Em evolução

A equipe rubro-negra está em constante mudança desde a saída do ´´paizão´´ Joel Santanna.
Após ser eliminado da Copa Libertadores o time caiu num abatimento só, o novo técnico teve que trabalhar com o psicológico da equipe, que só se ´´curou´´ após a vitória sobre a equipe reserva do Santos. Assumindo a liderança do campeonato naquele momento.
Depois de um jogo mixuruca ( irrelevante) contra o Grêmio em Porto Alegre, a equipe tomou o primeiro susto do Brasileirão, ao ser pressionado com chutes de fora da área, bolas batendo na trave e defesas milagrosas do Bruno. Conseguiu-se um mísero empate em 0 a 0, sorte nossa. A postura do treinador foi segura e correta, ao analisar somente os pontos positivos e evitar criticas a A, B ou C.
Terceiro jogo: Internacional, parada dura. Sim,realmente, o primeiro tempo só se viu Internacional jogar e um Flamengo atuando em contra-ataques nada de errado, afinal, era o Inter, resultado parcial do primeiro tempo 1 a 0. O Internacional deveria continuar mandando no jogo no segundo? Nada disso! O Flamengo é um time ofensivo e sua torcida preza por isso, resultado vaias e mais vaias, com alvo certo, Jaílton. Sai Jailton e entra Jônatas, o renegado do Joel e, pouco utilizado até então, foi um dos responsáveis pelo mudança de postura do time. O Flamengo cresceu e atacava com maior frequência o gol sairia logo e saiu de uma jogada de bola parada, escanteio, cruzamento pra área, bola espirrada e gol 1 a 1, Marcinho. E o ataque continuava a torcida puxava o time e os atletas tentavam responder, em bela jogada de Tardelli que fintou o goleiro, sendo derrubado por Renan na área, a bola sobra para o sortudo Souza deixar o jejum para trás 2 a 1 Flamengo. Torcida feliz, jogadores felizes e o técnico contente com a mudança. Resultado: Jaílton poderá ficar fora do time titular. Para felicidade da nação. Eu o considero o tipo de jogador defensivo trombadeiro, chega batendo e com isso parando o adversário.

BOLA MURCHA: JAÍLTON

Com muita dedicação aos treinamentos o volante rubro-negro tenta se manter na equipe de titulares do Flamengo. Após sair do campo vaiado, Jaílton confessa ter sentido a pressão da torcida mas garante não estar abatido e busca seu espaço.

BOLA CHEIA: TORÓ

Se Jaílton está em baixa, Toró é o inverso. O jogador querido pelo ex-técnico Joel Santanna pelo qual era chamado carinhosamente por ´´Torozinho´´, tem se saído bem nas partidas por sua garra e determinação. Ainda em comparação ao Jaílton também está em busca de seu espaço, segundo o próprio Toró, o elenco do Flamengo é forte e qualquer bobeira correrá o risco de perder a vaga.

Disputa da presidência Leonardo versus Vanderlei Luxemburgo


Parece brincadeira mas não é, o ex-lateral esquerdo e atual dirigente do Milan Leonardo adquiriu hoje o título de sócio proprietário, o primeiro passo a presidência, segundo ele. Segundo o estatuto do Flamengo, o sócio proprietário só poderá se candidatar à presidência do clube após 3 anos portanto o título. Em entrevista ao site do Globo Esporte ele afirmou:
- Comprei o título de sócio proprietário para ser presidente do Flamengo. Um dia isso vai acontecer. Quero ser o presidente. Mas não será agora – disse Leonardo, por telefone ao GLOBOESPORTE. COM, logo depois de deixar a Gávea nesta tarde.


Agora é esperar pra ver!

Saudações Rubro Negras!


www.ConfionoMengao.blogspot.com - A confiança no Flamengo