A confiança no Clube de Regatas do Flamengo em forma de Blog !!! www.ConfionoMengao.blogspot.com

sábado, 8 de setembro de 2007

Fla pode voltar à zona de rebaixamento



Contando com uma péssima atuação do Flamengo, o Internacional bateu facilmente o Rubro-Negro por 3 a 0, neste sábado, no Beira-Rio, em Porto Alegre, conseguiu sua primeira vitória sobre um time carioca neste Campeonato Brasileiro e ganhou quatro posições na tabela. O Colorado, que era o 12º colocado, subiu para oitavo, com 35 pontos. Já o Rubro-Negro permaneceu com 29 pontos, caiu para o 16º lugar e, dependendo dos resultados deste domingo, pode voltar para a zona de rebaixamento.

O calvário do Flamengo no primeiro tempo começou logo aos quatro minutos, quando Adriano deu um pisão no pé direito de Ibson, e tirou o jogador da partida. Toró entrou no seu lugar. A falta de Ibson, responsável pela saída de bola, até poderia ser uma desculpa para a péssimo primeiro tempo do time rubro-negro, porém todos, sem exceção, estiveram muito mal. Os retornos de Fábio Luciano, Ronaldo Angelim, Juan, Roger e Souza de nada adiantaram para melhorar a qualidade do time.

Sem conseguir organizar nem sequer uma boa jogada de ataque, a defesa ficou sobrecarregada e não agüentou a pressão colorada. O Inter nem precisou ser brilhante para sair com a vantagem no placar. Bastou se aproveitar das falhas do Flamengo.
Aos 19 minutos, em uma bobeira incrível surgiu o gol do Internacional. Léo Moura cobrou falta um pouco a frente da área do Flamengo. Léo Medeiros, desatento, não foi atrás da bola. Guiñazú recuperou a bola e tocou para Gil, que rolou para Wellington Monteiro. O lateral só rolou no canto esquerdo rasteiro de Bruno para marcar.

Em uma atuação lamentável, Joel já mostrava toda sua insatisfação à beira do campo, o Flamengo só observava o Inter jogar. Enquanto Roger, o do Colorado, buscava organizar as jogadas, o do Flamengo, parecia não estar em campo: mal tocou na bola e quando o fez não produziu nada de bom.

Em dois lances seguidos, um de Wellington Monteiro e outro de Sidnei, Bruno salvou o segundo gol do Inter por duas vezes. Mas aos 44 minutos nada pôde fazer. O apoiador Roger, o menos famoso porém mais eficiente, dribou Ronaldo Angelim e bateu de perna esquerda. A bola entrou no canto direito de Bruno.

Mesmo em desvantagem no placar, o técnico Joel Santana tirou o apoiador Roger e colocou Jaílton, fazendo com que o time ficasse com quatro volantes e apenas Renato Augusto e Souza como opções para o ataque.

O esquema com quatro homens de marcação não funcionava: o time não chegava ao ataque e tampouco conseguia se defender. Antes dos seis minutos, o atacante Adriano chegou duas vezes frente a frente com o goleiro Bruno. Na primeira, isolou bisonhamente. Depois foi a vez do goleiro defender evitando o terceiro.

A partir daí, o Inter passou a administrar o resultado e dar brechas para o Flamengo chegar. Souza carimbou a trave de Clemer em um belo chute de fora da área. O Rubro-Negro até demonstrou mais vontade, mas pouco para inverter o placar desfavorável.

Quem teve a chance de fazer mais um foi novamente o atacante Adriano, mas esbarrou em uma defesa fantástica de Bruno. Já aos 43, Elder Granja completou o marcador fazendo, de cabeça, mais um após cruzamento de Alex.

Na próxima rodada, o Flamengo enfrentará o Cruzeiro, quarta-feira, às 20h30min no Maracanã, em partida adiada da 16ª rodada. Já o Internacional volta a campo no domingo para fazer o clássico contra o Grêmio, às 18h10min, no Olímpico.

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 3 X 0 FLAMENGO

Local: Beira-Rio, Porto Alegre (RS)
Data e hora: 08/09/07 16h
Árbitro: Paulo Cesar Oliveira (Fifa/SP)
Auxiliares: Márcio Luiz Augusto e Emerson Augusto de Carvalho (SP)
Público e renda: não divulgados
Cartões amarelos: Roger, Magrão (INT); Souza, Juan (FLA)
Cartões vermelhos: não houve
Gols: Wellington Monteiro, 19'/1ºT (1-0), Roger, 43'/1ºT (2-0), Elder Granja, 43'/2ºT (3-0)

INTERNACIONAL: Clemer, Wellington Monteiro, Índio, Sidnei e Alex; Edinho, Magrão (Magal, 23'/2ºT), Guiñazú e Roger (Elder Granja, 12'/2ºT) ; Adriano e Gil (Fernandão, intervalo). Técnico: Abel Braga

FLAMENGO: Bruno, Léo Moura, Fábio Luciano, Ronaldo Angelim e Juan; Rômulo, Léo Medeiros, Ibson (Toró, 6'/1ºT) e Roger (Jaílton, intervalo); Renato Augusto (Obina, 16'/2ºT) e Souza. Técnico: Joel Santana

Fonte: LanceNet
www.ConfionoMengao.blogspot.com - A confiança no Flamengo