A confiança no Clube de Regatas do Flamengo em forma de Blog !!! www.ConfionoMengao.blogspot.com

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Paulo Victor e os garotos


Poucos blogueiros parceiros (listado na barra lateral) do Confio no Mengão escreveram sobre o jogo de ontem. No blog Sobre Flamengo tem uma análise didática. 

Mas, o que eu queria escrever por aqui é sobre quem teria se salvado ontem naquela atuação de um time sem tática, sem criatividade, sem ofensividade, enfim sem objetivo nenhum neste campeonato.

Sabemos, e como já defendi aqui, que a mudança passa pela troca de nosso esquema tático. Quanto isso não acontece, até por que isso vai custar aos cofres do Flamengo mais de um milhão de reais, vamos ver como podemos propor soluções no campo da imaginação.

No meu entender, Paulo Victor foi o melhor em campo. Não só por que defendeu o pênalti, mas por que fez boas defesas evitando uma goleada maior por parte do time de SP. E mesmo tomando três gols, creio que ele não foi culpado em nenhum deles. Dois vieram devido aos erros do próprio Flamengo, quando estava com a posse de bola, e o terceiro, apesar de ter sido de longe, o seu autor - Danilo - estava livre de marcação.

Outros nomes que destaco são os garotos. Tanto Adryan como Mattheus entrarem bem. Adryan teve em alguns minutos o que os experientes Ibson, Renato e Bottinelli não tiveram durante todo o jogo, ou seja, personalidade.

No mais, Léo Moura e Bottinelli fizeram até uma jogada ou outra boa, mas pela falta de entrosamento do time não deram resultado algum. 

O resto foi aquilo lá, que já estamos acostumados a ver nos jogos. Alias, coisa que foi mascarada por aquela vitória em cima do Bahia. 

Ontem tivemos uma zaga muito mal posicionada, laterais que jamais mostraram terem qualidade ofensiva, um meio campo que não antecipa a marcação como não cria e um ataque que parece que nem existe.

Soluções com Joel

A opção do Love de tentar fazer alguma coisa enfiado pelo meio é uma coisa que dificilmente vai funcionar. Assim, como o time não tem padrão tático à solução é tentar descer à linha de fundo e executar cruzamentos ou então calibrar os chutes de fora da área.

No entanto, nenhum de nossos jogadores vem descendo. Talvez, o Léo possa fazer isso. Mas ele tem negado a fazer como fazia nos seus bons tempos. Em relação aos chutes de fora da área, que foi a causa de dois dos três gols do Corinthians, tanto o Renato como o Bottinelli parece não estar nos seus melhores dias.
Outra solução se refere à questão técnica. Nesse sentido o Joel teria a opção de aproveitar melhor o Adryan em sua posição normal e outros jogadores que se têm destacado nos treinos.

Mas vamos aguardar o próximo jogo e ver se teremos mudanças, principalmente na comissão técnica, que poderia resolver nosso principal problema, a (des) organização tática.

www.ConfionoMengao.blogspot.com - A confiança no Flamengo