A confiança no Clube de Regatas do Flamengo em forma de Blog !!! www.ConfionoMengao.blogspot.com

sexta-feira, 1 de junho de 2007

Torcedor dá R$ 100 para ajudar Fla

Uma carta enviada por um torcedor rubro-negro ao vice-presidente de futebol do Flamengo, Kleber Leite, emocionou a todos na Gávea. Na segunda-feira da semana passada, dia 21 de maio, Éder Ayres mandou uma correspondência ao clube com um cheque no valor de R$ 100 para ajudar a diretoria pagar os salários atrasados aos jogadores e funcionários.

Logicamente, o dirigente não aceitou a contribuição. Até porque, o clube já quitou os dois meses de salários que estavam atrasados. Além disso, o esforço feito pelo torcedor para tentar amenizar os problemas financeiros do Flamengo comoveu a todos.

Na carta, Éder Ayres conta que está desempregado há três meses e ainda precisa sustentar uma filha de cinco anos, mas, mesmo assim, resolveu fazer o sacrifício para ajudar da forma que pode o clube do seu coração.

No fim, ele pede uma camisa do lateral-esquerdo Juan de presente de aniversário, que será comemorado no dia 10 de junho. Kleber Leite respondeu ao torcedor com uma carta assinada, em papel timbrado do clube, informando que devolveu o cheque e providenciou o presente.

Confira a carta do torcedor:
Sr Kleber Leite

É com imenso prazer que estou escrevendo esta carta. Pois fico muito chateado com essas reportagens que falam que o Flamengo está devendo três meses de salários aos funcionários. Sei que o senhor junto com o presidente Marcio Braga estão se empenhando para solucionar esses problemas, com a graça de Deus.

Fico triste, porque tem uns torcedores nojentos que ficam fazendo graça comigo, principalmente esses vascaínos, que não se cansam de ser vice. Por favor, senhor Kleber, junto com o senhor Ney Franco, não deixa isso atrapalhar o bom momento que estamos vivendo. Faça com que os jogadores e os funcionários entendam, sei que é difícil, mas é o Flamengo, é o manto sagrado em vermelho e preto, é a raça.

Por isso, estou fazendo esse sacrifício de contribuir com essa quantia de R$ 100,00 (cem reais). É pouco, eu sei, mas no momento é com o que eu posso contribuir, pois estou desempregado há três meses e ainda tenho uma filha que tem cinco anos, que nasceu no mesmo dia do aniversário do Zico, o nosso Galinho. Seu eu tivesse dinheiro, com certeza ajudaria muito mais, mas Deus não quis me dar essa oportunidade porque sou Flamengo.

Tive a oportunidade de assistir à final do Campeonato Carioca no dia 6 de maio, dei sorte de comprar a passagem de avião de R$ 50, senão, não teria ido nem presenciado o que a nação rubro-negra fez no Maracanã. Agradeço a Deus pela oportunidade.

Não quero que o senhor julgue isso como uma esmola. Quero ajudar aos que estão precisando nesse momento, eu não sei o dia de amanhã, então, faço hoje. Mesmo de longe, nesse momento, estou me associando ao clube que amo tanto, que é o nosso Flamengo, ao mesmo tempo em que começarei a contribuir para que o Flamengo fique sempre no alto, como o Cristo Redentor.

Um grande abraço,

Éder Ayres - 21/05/07

Uma vez Flamengo, Flamengo até morrer.

Obs: Meu aniversário é no dia 10/06, será que eu conseguiria ganhar de presente a camisa do Juan? Ficaria muito contente.


Resposta de Kleber Leite:
Prezado Éder:

Muito obrigado por tanto amor e desprendimento pela causa rubro-negra.

Embora as coisas aqui não sejam fáceis, também não são tão dramáticas como comentam. Os salários dos 600 funcionários, jogadores e outros profissionais estão em dia.

Desta forma, estou devolvendo o seu cheque no valor de cem reais e antecipando seu presente de aniversário.

Obrigado mais uma vez pelo rubro-negro que você é.

Saudações rubro-negras,

Kleber Leite

Fonte: Uol Esporte
www.ConfionoMengao.blogspot.com - A confiança no Flamengo