A confiança no Clube de Regatas do Flamengo em forma de Blog !!! www.ConfionoMengao.blogspot.com

quinta-feira, 24 de janeiro de 2008

Fla goleia o Cardoso Moreira e vira líder


Sem dar sustos na torcida, o Flamengo não teve problemas para vencer o Cardoso Moreira por 4 a 1, nesta quinta-feira, no Maracanã. O resultado deixa o Fla na liderança do Grupo A do Carioca com seis pontos. O Cardoso, que perdeu duas, continua sem pontuar. Os gols do Rubro-negro foram marcados por Ibson, Souza, Juan e Leo Moura. Vagner Carioca, após passe de Rodrigo, filho de Júnior, descontou.

Na próxima rodada, Domingo, 27 de janeiro, os rubro negros terão pela frente o Duque de Caxias, às 18h10m, no Maracanã. Já o Cardoso, às 16h, recebe o Boavista no estádio Antônio Ferreira de Medeiros.

Ataque contra defesa


Desde o apito inicial, o Flamengo impôs seu jogo e se lançou ao ataque. Envolvente, o time criou uma chance logo aos nove minutos. Marcinho cruzou para Souza na segunda trave, o atacante desviou de cabeça e Macula fez boa defesa. A pressão rubro-negra deu resultado aos 21 minutos. Em impedimento, Juan recebeu dentro da área e foi empurrado. Na cobrança de pênalti, Ibson bateu com categoria e abriu o placar: 1 a 0.
Na comemoração, os jogadores homenagearam o companheiro Renato Augusto, que, operado, irá ficar fora do time de seis a sete semanas.

Após a expulsão de Ernandes, que fez falta duríssima em Leo Moura, os donos da casa encurralaram ainda mais o Cardoso. Aos 37, Toró arriscou de fora da área, a bola bateu no travessão e entrou. O árbitro não viu e mandou o lance seguir. Sem participar da partida, o goleiro Bruno viu o time ampliar ainda na primeira etapa. Aos 45 minutos, Souza arrancou, se livrou do zagueiro Paulo Roberto e chutou cruzado dentro da área, 2 a 0. Superioridade total dos rubro-negros em campo.

Filho de Júnior entra e anima o Cardoso


Na volta do vestiário, o técnico Charles Guerreiro lançou Rodrigo, filho de Júnior, na equipe. A mudança parece ter animado o Cardoso Moreira. Aos nove minutos, Rodrigo tocou para Vagner Carioca, que girou na entrada da área e chutou no canto direito de Bruno: 2 a 1. Refeito do susto, o Fla voltou ao ataque. Aos 14 minutos, Ibson recebeu de frente para o goleiro Macula mas falhou na hora de botar a bola para o fundo da rede.

Mais ofensivo após a entrada de Obina, o Fla pressionou e conseguiu ampliar. Aos 22, o baiano deu um grande passe para Juan, que, mesmo sem ângulo, chutou com força e fez um belo gol, 3 a 1. Sem se esforçar muito, o Flamengo ainda ampliou aos 36. Juan deu ótimo passe para Leo Moura, que driblou o zagueiro Paulo Roberto e chutou cruzado, 4 a 1.

Fonte: Globo Esporte
www.ConfionoMengao.blogspot.com - A confiança no Flamengo