A confiança no Clube de Regatas do Flamengo em forma de Blog !!! www.ConfionoMengao.blogspot.com

domingo, 2 de março de 2008

Fla leva susto, mas vence de virada


O time misto do Flamengo começou mal, sofreu dois gols e teve de assistir a Alexsandro dançar o créu e "chorar" diante de sua torcida. Mas, no fim, os rubro-negros se recuperaram e sorriram: vitória por 4 a 2 sobre o Resende, no Maracanã, e largada com o pé direito na Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca.

Assim como na decisão do primeiro turno e, guardada as devidas proporções, o herói foi Diego Tardelli. O atacante marcou dois gols, um deles muito bonito, na virada flamenguista, e garantiu a segunda posição do Grupo A, com três pontos.

O início rubro-negro neste domingo foi assustador. Antes dos 25 minutos, o time do interior havia calado um Maracanã quase vazio e a postura dos reservas irritou os pouco mais de 10 mil torcedores presentes. Mas o time misto acordou e construiu a virada com gols de Thiago Sales, Obina e Diego Tardelli.

O Flamengo poupou a maioria dos titulares - as exceções foram Bruno, Kleberson e Tardelli - visando ao jogo de quinta-feira, às 18h, contra o Nacional. A partida, válida pela terceira rodada da Taça Libertadores, acontece no estádio Parque Central, em Montevidéu.

Depois de terminar a Taça Guanabara na sexta posição do Grupo B, o Resende inicia o segundo turno com derrota e segue ameaçado de rebaixamento. Os dois clubes que somarem o menor número de pontos nos dois turnos vão para a Série B carioca em 2009.

Créu e chororô do interior

O Flamengo entrou em campo desinteressado e sem ameaçar o gol do Resende. Para piorar, o primeiro lance do estreante Leonardo foi assustador. Ele foi driblado facilmente por Alexsandro e cometeu pênalti, aos nove.

O atacante do Resende tirou onda. Fez paradinha, acertou o canto esquerdo de Bruno e, na comemoração, dançou o "créu" e chorou na frente da torcida flamenguista.
Em desvantagem, os reservas do Fla foram à frente. Obina perdeu boa chance aos 11 ao chutar para fora na frente do goleiro. Pouco depois, aos 15, Tardelli cabeceou e o goleiro espalmou.

Mas a fragilidade do sistema defensivo do Flamengo permitiu ao Resende ampliar aos 22 minutos. Beto aproveitou um buraco entre os zagueiros e rolou para Toni. O atacante passou e Leo, da entrada da área, chutou no canto esquerdo de Bruno, que pulou atrasado.

Obina perde gols Atônito à beira do campo, Joel Santana escutou os poucos torcedores presentes no Maracanã pedirem "raça" à equipe. Os zagueiros tentaram se redimir aos 25 minutos. Thiago Sales ajeitou e Leonardo cabeceou no travessão. Na sobra, Obina tentou uma bicicleta desajeitada e perdeu o lance.

Na tentativa seguinte, aos 28 minutos, Diego Tardelli cruzou e Thiago Sales se abaixou para cabecear e marcar o primeiro do Fla.

O gol animou os anfitriões. Tardelli chutou forte aos 32 minutos e Márcio se esticou para salvar. Aos 43, Jônatas arrancou e deu lindo passe para Obina. Ele dominou e chutou na trave. O atacante perdeu outra chance aos 45 minutos. Márcio recebeu bola recuada e chutou mal. Obina interceptou, mas arrematou para fora.

Diego Tardelli brilha de novo

Para reverter o placar, o Flamengo apostou nos estrangeiros. Gavilán, que estreou, e Maxi entraram nos lugares de Jônatas e Jaílton, respectivamente. O argentino quase fez os quatro. Depois, Kleberson chutou aos oito, a bola desviou e por pouco não enganou o goleiro Márcio.
A pressão prosseguiu e surtiu efeito aos 15 minutos. Kleberson deu lindo chapéu em Márcio Costa, cruzou da direita e Obina, enfim, fez seu gol. Ele cabeceou no canto direito e empatou a partida.

A virada parecia questão de tempo. E, de fato, foi. Aos 20 minutos, Maxi deu belo passe para Diego Tardelli arrancar e marcar o terceiro.

Obina quase ampliou aos 25, mas a cabeçada foi para fora. O Resende não desistiu e passou a incomodar. Porém, o momento de maior frenesi foi quando Alexsandro, aquele do créu e do chororô no primeiro tempo, foi substituído. A torcida vaiou e fez a famosa dancinha para o atleta do Resende. Aos 45, Diego Tardelli ainda fez mais um ao concluir de pé direito um ótimo cruzamento de Obina da esquerda. 4 a 2 e mais 'créu' no Maraca.

FICHA TÉCNICA:
FLAMENGO 4 x 2 RESENDE
Bruno
Luizinho
Leonardo
Thiago Sales
Egídio
Jônatas
(Gavilán)
Jaílton
(Maxi)
Kleberson
Marcinho
(Cristian)
Diego Tardelli
Obina
T: Joel Santana
Márcio
Valdir
Márcio Costa
Leandro
Vinícius
Beto
Márcio Gomes
(Fábio Azevedo)
Bruno Reis
(Biúla)
Leo
Alexsandro
(Jack Jones)
Toni Carvalho
T: Antônio Carlos Roy

Fonte: Globo Esporte
www.ConfionoMengao.blogspot.com - A confiança no Flamengo