A confiança no Clube de Regatas do Flamengo em forma de Blog !!! www.ConfionoMengao.blogspot.com

domingo, 29 de julho de 2007

Fla e Timão empatam em jogo eletrizante

Na onda retrô da estréia dos novos uniformes, o Corinthians de 2007 buscou inspiração na camisa do time de 1977, e o Flamengo na equipe de 1981 para fazerem um jogo eletrizante e deixarem o Morumbi empatados em 2 a 2. Depois de um primeiro tempo morno, o clássico pegou fogo na etapa final.

Com o resultado, o Flamengo chegou aos 12 pontos e segue na penúltima colocação do Brasileirão. O Corinthians continua fora da zona de risco, com 16. Na próxima rodada, o Rubro-Negro vai enfrentar o Santos, no dia 5 de agosto, na Vila Belmiro. O Timão pega o Atlético-PR, na quarta-feira, na Arena da Baixada.

Ruim de se ver

O primeiro tempo de Flamengo e Corinthians foi sofrível. No início, o Rubro-Negro carioca até estava com o domínio territorial da partida, mas não conseguia criar lances de perigo. O Timão, por sua vez, chegava ao gol de Bruno com mais objetividade. A inoperância das equipes foi tanta que o atacante Obina chegou a ficar 20 minutos sem tocar na bola.

Aos 18 minutos, Bruno salvou o Flamengo quando se antecipou a um cruzamento. Edson mandou a bola em direção ao atacante Clodoaldo, que não conseguiu concluir o lance. Aos 36, não teve jeito. O mesmo Clodoaldo recebeu um lançamento na frente e tocou na saída do goleiro, que estava mal colocado. E na etapa inicial foi só.

Dinelson amplia para o Timão


Na volta para o segundo tempo, o técnico Ney Franco apostou na entrada de Roger na vaga de Jaílton. Com a mudança, a defesa rubro-negro ficou muito expota, sem um volante de marcação. O estreante, que estava enfrentando o ex-clube, foi muito vaiado pelos torcedores do Corinthians.

Mais perigoso, o Corinthians aproveitou o nervosismo do Flamengo, que buscava o empate, e ampliou o marcador. Aos 18, Dinelson recebeu na intermediária, avançou e bateu no canto esquerdo do goleiro Bruno, novamente mal colocado. Após o gol do Timão, o Rubro-Negro acordou na partida.

Fla no embalo de Roger


Roger passou a comandar as jogadas de ataque do Flamengo na etapa final. Buscando o jogo, ele tentava colocar os companheiros na cara do gol. Até que, aos 27, o meia encontrou Leo Moura. O lateral chegou à linha de fundo e cruzou na cabeça de Souza. O atacante diminuiu e marcou o seu primeiro gol no Campeonato Brasileiro.

O Flamengo seguiu melhor e conseguiu o empate. Leo Moura bateu escanteio e a bola sobrou para Leo Medeiros, que empatou a partida. O Rubro-Negro quase chegou à vitória, mas Paulo Sérgio errou a pontaria. No fim, valeu o esforço das duas equipes.

Fonte: Globo Esporte
www.ConfionoMengao.blogspot.com - A confiança no Flamengo